• Investigação da SEC: Quando o antigo diretor-geral financeiro da Countrywide Financial Corporation foi, com grande destaque, envolvido numa investigação e numa ação judicial da SEC, os nossos advogados conseguiram alcançar um resultado pouco habitual, uma vez que a SEC deduziu acusação por fraude, mas transigiu com base em negligência.
  • Aquisição: Representamos o Banco Santander na aquisição do Bank Zachodni WBK à Allied Irish Banks, no valor de 4,1 mil milhões de dólares.
  • Refinanciamento: Na região CEE, prestámos aconselhamento ao Deutsche Pfandbriefbank em relação ao refinanciamento, no montante de 300 milhões de euros, de uma carteira imobiliária de edifícios de escritórios situados na Polónia, República Checa, Hungria e Roménia.
  • Iniciativa sobre a Personal Properties Securities Act (lei das garantias sobre bens móveis) (2009) (PPSA): Demos início, em conjunto com um cliente do setor bancário, a um programa de workshops para os seus clientes sobre o possível impacto do novo regime PPSA na Austrália. O público-alvo dos workshops foi selecionado através da identificação dos clientes bancários suscetíveis de serem afetados, tais como os fabricantes. Juntamente com representantes do banco, transmitimos informações práticas sobre a forma como os seus negócios seriam afetados.
  • Foreign Account Tax Compliance Act (lei relativa à conformidade tributária de contas estrangeiras) (FATCA): A maioria dos bancos globais será afetada pela aplicação da FATCA. Os nossos advogados dos EUA têm prestado aconselhamento a clientes que são ou foram domiciliados nos EUA, e exercido pressão em nome das partes afetadas. Os nossos especialistas australianos das áreas fiscal e financeira têm colaborado com a Australian Banking Association para ajudar a compreender o possível impacto da FATCA sobre os bancos australianos, e partilhado ideias sobre como melhorar alguns dos aspetos mais onerosos do regime.
  • Personal Properties Securities Act (lei das garantias sobre bens móveis) (PPSA): Demos o nosso contributo para a Comissão do Senado dos EUA para a PPSA, e estivemos presentes na mesma, tendo inclusivamente realizado várias apresentações escritas e orais. Durante este processo, identificámos questões específicas que afetam os prestadores de serviços de financiamento estruturado e de ativos. Apresentámos declarações e mantivemos conversações com a procuradoria-geral sobre as alterações que poderiam ser introduzidas na legislação para ter em conta possíveis consequências involuntárias. Também integrámos um grupo de trabalho do setor sobre o impacto da PPSA.